Falta menos de um mês para o verão e as academias estão cheias de pessoas correndo atrás do prejuízo e buscando o tão sonhado ‘corpo perfeito’ até a chegada da estação mais quente do ano. A Personal trainer, Rebeca Gusmão já está acostumada com a procura de novos alunos que querem a barriguinha seca e curvas bem desenhadas para desfilar com seus biquínis e sungas nas praias e piscinas por todo o Brasil. Para a professora de educação física, com disciplina, e unindo a prática de exercícios com uma boa alimentação, é possível sim dar aquela ‘secada’ em apenas 30 dias. Ela dá sua dica:

“Para secar a barriga temos que levar vários fatores em consideração. O primeiro é o estado atual do corpo da pessoa. Se ela precisar perder até dez quilos, e for disciplinada, em trinta dias é possível sim. O passo mais importante é começar. Quem entra no meu Instagram fica impressionado com os resultados dos meus alunos em tão pouco tempo. O segredo? Trabalho em equipe, disciplina e paciência, cada um responde de forma diferente e é importante respeitar o seu corpo”, diz Rebeca, que reforça o que muitos profissionais de saúde já destacam: “Tomar bastante água é muito importante. Ajuda a hidratar, recuperar e prevenir. Eu bebo pelo menos três litros de água por dia.”

Rebeca ressalta que se engana quem pensa que forçar nos exercícios de abdominal pode ser a única solução para perder barriga. “As pessoas acham que abdominal tira a barriga, quando na verdade é necessário perder toda a gordura abdominal e só depois disso criar a musculatura do abdômen. É muito importante fazer os trabalhos aeróbicos – esteira, bicicleta, caminhada e atividades esportivas em geral”, explica a profissional, que recomenda: “Os treinos em formato de circuitos são as melhores opções. Intercalar exercícios com corrida ou bicicleta também. O nosso corpo se adapta com facilidade, por isso é importante sempre variar as atividades.”

Para fazer em casa e para o bumbum:

Se falta tempo para ir na academia, Rebeca reforça que não há desculpa e que é totalmente possível fazer exercícios para perder a barriga em casa. Ela recomenda que se divida em duas fases: “Na primeira fase você faz polichinelos, burppes e agachamentos com salto. Depois de se acostumar parte para a segunda fase, com prancha, abdominal em V e montain climb.”

Quando o assunto é ‘bumbum na nunca’, Rebeca também tem a sua dica: “As pessoas pensam muito em agachamento e leg, mas existem também exercícios de elevação do glúteo que ajudam muito mais rápido no processo do que os agachamentos em si. Deve-se treinar todos os dias, tendo dois dias de descanso na semana.”

Boa forma de Rebeca:

Com 1.80 m e 78kg, e já ostentando uma barriga sequinha de dar inveja, Rebeca Gusmão revela que também, pela primeira vez, será adepta do ‘intensivão’ de verão. Mesmo com suas belas curvas, a personal acredita que já esteve em melhor boa forma.

“Acho que minha melhor forma, em termos de estar seca, foi há três ou quatro anos. Quando eu perdi 40 quilos. Hoje eu ainda não estou na minha melhor fase, mas posso dizer que entrei na parte de definição muscular. Nunca fiz um intensivo, mas já fiz em vários alunos e deu certo. Neste ano farei em mim pela primeira vez.”

Fotos: Renata Ferraz/Divulgação