A assistente de João Kléber, Dayse Brucieri encarnou uma lutadora e tirou a roupa para um ensaio sensual. Nos bastidores, a loira abriu o verbo e contou que os homens costumam morrem de medo dela ‘por ser um mulherão’.

“Me acham um mulherão, mas nas relações, sou uma eterna romântica que adora ser mimada, cuidada, protegida e, no íntimo, dominada. Sendo isso, a coisa mais difícil, né?! Ninguém consegue me dominar sempre eu quem domínio em todos os sentidos”, revela a gata.

“Odeio violência. Isso me broxa (sic) completamente. Agora, na intimidade quem é que não gosta de uns tapinhas para apimentar a relação?”, dispara a beldade aos risos, que está solteira, mas não está chateada de passar o “Dia dos Namorados” sozinha.“Não tem como ficar triste. Tenho outras prioridades. Namorar está bem longe do que quero para mim no momento. Um cara tem que ser o ‘máximo’ para mudar meu pensamento. E vamos falar bem a verdade: Homens que são o ‘máximo’, nos dias de hoje estão em extinção”.

Fotos: Guilherme Bertocini