A semana foi bem complicada para a galera do Pânico na Band: segundo informações da coluna de Ricardo Feltrin do UOL, a Rede TV! entrou com processo contra a Band, que está em andamento na 38a. Vara Cível, no valor de  R$ 600 mil.

A Rede TV! alega que a produção do Pânico copiou um quadro onde os apresentadores narram vídeos captados na internet.

Além do valor do processo, a emissora exige que o quadro seja retirado do programa.

O Pânico parece não estar em uma de suas melhores fases, com baixa audiência, gerou polêmica nessa semana, quando o pênis de um dos participantes que interpretou um pastor evangélico deixou aparecer seu pênis, sem tarja, na apresentação do quadro “Poim na Tela”, o que gerou protestos por internautas.

Nas redes sociais, internautas comentaram que foi acidente que passou despercebido pela produção, outros dizem que foi intencional e que usaram linguagem subliminar e os exagerados chegaram a comentar que ação foi “apologia ao estupro”.

Vejam o vídeo e prestem atenção , porque o detalhe é mínimo.