A vida parece não estar sorrindo para o humorista Jim Carrey: o astro de filmes que arrancou risos da platéia e faturou milhões de dólares como “Ace Ventura”, “O Maskara”, “Debi & Loide”, “O Pentelho”, “O Mentiroso”, “O Mundo de Andy” entre outros grandes êxitos . O humorista está passando pela pior fase de sua vida:  em 2015 sua namorada Cathriona White cometeu o suicídio por ingestão de medicamentos e a família acusa o engraçado ator por ser o responsável pela tragédia. O motivo foi que Jim, que hoje é avô e teve vários casamentos teria transmitido doenças venéreas com gonorréia, herpes tipo 1 e 2 para a moça.

O site do tablóide New York Daily Mail publicou uma suposta carta da ex, que era maquiadora:

” Eu queria uma desculpa e que fosse assumida a sua responsabilidade. Dizer: ‘Eu te passei isso, intencionalmente ou não e entendo que é algo que vai te afetar pelo resto da vida, seus futuros relacionamentos ou a ausência deles por causa disso”, dizia a moça em vida.

O ator que hoje tem  55 anos foi processado pela mãe da ex, Bridget Sweetman e o ex-marido Mark Burton e os detalhes do processo dão bastante pesados: os autores afirmam que Jim usou nome falso para comprar remédios que a ex-namorada usou para o suicídio há dois anos, já sabendo que ele sabia da depressão e uma tentativa de suicídio, consta também que o casal era adepto ao sexo com prostitutas e cocaína.

Jim por sua vez declarou que por sua vez as doenças poderiam ter sido contraída pela ex-namorada em algum relacionamento anterior ao dele e para completar o quadro, o advogado do astro alega que ele teria sido vítima de extorsão por parte dos familiares da ex:

“Como uma mão cheia de advogados tem a coragem de representar pessoas como a família de White, que estão dispostas a fazer acusações falsas ou enganadoras desenhadas para extorquir dinheiro de celebridades bem sucedidas. Esses advogados forçam as celebridades a fazerem acordos a fim de que as acusações não cheguem ao público”, escreveu o advogado do ator que também sofreu um baque grande recentemente com a morte de Jerry Lewis, um dos seus grandes ídolos e fonte de inspiração.

O assunto vai longe e talvez teria sido resolvido que o uso de preservativos tivesse sido praticado.