Na noite de quarta, 8 de novembro, o apoteótico cenário a céu aberto do Jockey Club de São Paulo foi palco da festa de abertura do Shell Open Air.  Realizado pela D+3 Produções, com patrocínio da Shell, a noite contou com a projeção do clássico De Volta para o Futuro” seguido de um pocket show do cantor Luan Santana, que levou os convidados ao delírio com músicas de seu novo cd 1977, além de sucessos como “Meteoro da Paixão”, pedido intensamente pelo público.

Ao longo de três semanas, de quartas a domingos, o Shell Open Air exibirá, na Super Tela, do tamanho de uma quadra de tênis, 21 filmes entre clássicos, blockbusters, pré-estreias e filmes nacionais. Entre as produções estão as dobradinhas de sucessos como a cultuada série de Quentin Tarantino, “Kill Bill – Vol 1” e “Kill Bill – Vol 2”; além de “Noivo Neurótico, Noiva Nervosa” e “Vicky Cristina Barcelona”, de Woody Allen. Para os amantes de musicais as versões de 1980 e 1984 de “FAME” e “FOOTLOOSE” prometem animar as noites de sextas antecipando shows ao vivo de bandas como Cachorro Grande com participação de Samuel Rosa; e Dream Team do Passinho cantando Jackson 5.

Luan Santana - Fotos: Felipe Panfili
Luan Santana – Fotos: Felipe Panfili
Eduardo Wantuil, Luan Santana e Vicente Sfeir - Fotos: Felipe Panfili
Eduardo Wantuil, Luan Santana e Vicente Sfeir –
Fotos: Felipe Panfili