A mamãe de primeira viagem, Karina Bacchi, revelou ao jornal “O Estado de São Paulo”, que gastou uma fortuna para ter o seu filho Henrico, de 2 meses. A gestação, que foi feita por fertilização in vitro, e o parto realizado em Miami, teve um alto custo.

“Cerca de R$ 35 mil na parte médica e hospitalar, em que estão inclusos serviços de pediatria, obstetra, hospital e a documentação. Tive também despesa de cerca de US$ 15 mil (R$ 47,5 mil) para aluguel, passagens, transporte e itens do dia a dia”, disse ao jornal.

A modelo disse à publicação que escolheu ter o filho no exterior pela múltipla cidadania que ele teria, assim, terá a opção de morar em outro país.

Foto: Reprodução/Internet