A paixão pela música começou cedo. Aos 14 anos, quando já arriscava acordes e escrevia suas primeiras composições, sempre baseado em situações que havia vivenciado e tendo como influência musical desde o sertanejo com Renato TeixeiraSérgio ReisZezé Di Camargo & Luciano, as duplas Victor & Léo e César Menotti & Fabiano, entre outros, até o rock, pop, reggae, tanto nacional quanto internacional, como as bandas SkankJota QuestDire StraitsSantana e U2.

Entre o final de 2011 e 2012 Gabriel lançou o primeiro álbum de sua carreira, intitulado ‘Mais Um Ano Sem Você’, que abordava a superação de amores do passado e a conquista de novas paixões. Em 2015, o cantor mostrou amadurecimento e lançou o CD ‘Sintonia’, com 14 faixas inéditas, todas escritas por Gabriel.

Também foi em 2015 que Gabriel expandiu os trabalhos e levou seu sucesso para toda a região onde vive e o país. Com o lançamento da música ‘Dói Né’ o músico cresceu no gênero e atraiu olhares de produtores e da mídia.

O hit divisor de águas na carreira do cantor caiu nas graças da internet e já conta com mais de um milhão de visualizações no youtube e estreou, recentemente, no programa TVZ Experimente, do canal Multishow, o que comprova a aposta da imprensa no jovem músico. Gabriel também concorreu à primeira fase do Prêmio Multishow 2016 nas categorias ‘Experimente’, ‘Melhor Música’ e ‘Música Chiclete’.

A canção ‘Camarote Safadão’, considerada uma das músicas do verão 2016, também faz parte da lista de sucessos de Gabriel. Com uma batida mais animada, a letra retrata o término de um relacionamento com pitadas de humor. Enveredado por diferentes estilos, Gabriel lançou, em maio, a música e clipe da balada ‘Que Sofrência’, que lida com os sentimentos de saudade e amor perdido.

Reunindo os maiores sucessos de sua carreira, o músico lançou, em maio de 2016, o seu EP, chamado ‘Que Sofrência’ e, em setembro, a faixa ‘Vamos Ficar de Boa’, que mostra, novamente, o talento dele nas composições. O vídeo da canção, produzido em um cinema gaúcho, em pouco tempo alcançou o status de hit e atingiu a marca de mais de 1 milhão de visualizações.

O disco ainda contou com a presença de três faixas inéditas que logo começaram a ser trabalhadas e conquistaram o público. Entre elas destacam-se as canções Quem Mudou Fui Eu, divulgada em dezembro de 2016 e Nas Quatro Estações, a atual música de trabalho do cantor. A partir deste momento Gabriel Farias começa a emplacar sucessos como os hits mais recentes como “Paraíso” uma canção romântica e a mais recente  “Batalha do Bumbum” , uma música dançante e que retrata a musicalidade do artista em outros ritmos e com partipações especiais. A canção atual já ultrapassa a marca de 570 mil visualizações.

Entre os artistas mais reproduzidos na região Sul do país, Gabriel Farias coleciona a marca de mais de 7.000.000 (Sete Milhões), visualizações no mesmo canal, o que dá força e mostra o trabalho crescente do cantor pelo Brasil. Sua página oficial no Facebook já ultrapassou a marca de 141 mil seguidores.

Batalha do Bumbum: https://www.youtube.com/watch?v=NSnSe1v4TI0

www.gabrielfarias.com.br