O paulistano Gustavo Bechara é bem jovem, mas tem uma carreira de dar inveja a muita gente. Começou cedo a trabalhar no teatro e não parou mais. Em seu currículo, são mais de 70 espetáculos incluindo a atuação e direção de ‘Nascimento de Jesus em Cordel’, que foi encenada aos pés do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, durante a visita do Papa Francisco, na Jornada Mundial da Juventude.

Além disso, Gustavo fez parte do elenco e dirigiu o ‘Espetáculo Paixão de Cristo’, ao lado de feras como Thiago Lacerda, Caio Blat, Zezé Mota, Leonardo Meggiorin, Aramis Trindade, Milena Toscano e muitos outros, para um público de mais de 50 mil pessoas. No currículo também tem ‘O Auto da Compadecida’ e diversas peças do dramaturgo William Shakespeare.

Também já trabalhou em seus projetos com Nicete Bruno, Beth Goulart, Diogo Vilela, Marcelo Serrado, Edwin Luisi, Fernanda Montenegro, Barbara Heliodora, Carol Castro, Herson Capri e muito mais.

Sua veia artística começou a dar sinais ainda bem pequeno, quando o amor pela música brotou aos 6 anos de idade. Ele começou a estudar e foi se aprimorando em piano, teclado, violão e sanfona. Aos 13 já tinha iniciado os estudos de teatro e em 2004 já era um ator profissional.

Conciliou a vida artística com os estudos e se formou em Direito, mas nunca deixou o amor pelas artes de lado. Hoje, além de atuar, Gustavo também dirige e se considera um ‘ator e diretor empreendedor, um profissional da Economia Criativa’.

“Acredito que, por ter feito a faculdade de Direito, tenho uma veia empreendedora na parte artística. Além da parte criativa, busco viabilizar a parte econômica e financeira de um projeto cultural e também oferecer formação artística para a classe”, diz Bechara.

Um bom exemplo disso é a FEA Experience (Feira do Empreendedorismo Artístico), a primeira feira de empreendedorismo artístico do Brasil. Gustavo é diretor geral da FEA e está muito feliz com seu acontecimento. A feira é uma parceria com o SATED, Itaú e o SEBRAE, e tem o Selo do Governo do Estado de São Paulo, dando aval. Será um evento especial que formará profissionais e fomentará a cultura na sua economia criativa.

Mesmo com a vida corrida, sempre que pode, compartilha um pouquinho do seu trabalho com seus mais de 300 mil seguidores no Instagram. Para ele, dividir suas experiências com os fãs e os jovens artistas, mostra que é possível viver de arte no Brasil, e que por mais difícil que seja, vale a pena insistir e não desistir. “É possível ser artista, é possível viver de arte, é possível trabalhar e ser feliz com esta profissão. Com o feedback que tenho normalmente é como consigo ajudar as pessoas a clarear melhor como seguir esse caminho”, explica.

Mas se 2020 foi um ano difícil para quem viveu de arte, pois precisou se reinventar para não morrer na praia, 2021 promete ser um bom ano para colher os frutos plantados no passado. E é assim que Gustavo está encarando os novos projetos para o que está chegando, com otimismo e esperança.

Ele está com alguns projetos de teatro para viajar pelo Brasil chamado ‘Contando Shakespeare’, além de dirigir o ‘Espetáculo Paixão de Cristo’, na Páscoa, se assim a pandemia permitir. Também tem o projeto da Feira de Empreendedorismo Artístico que vai rolar ano que vem, a ‘FEA Experience’ e parece que vem novidade na TV também. “Tive um convite de um autor para uma novela da Rede Globo, mas não posso dizer ainda. Tudo muda muito rapidamente quando o assunto é televisão”, revela.

Mesmo a arte sendo sua principal profissão, Gustavo não deixou o Direito de lado, pois agregou o seu conhecimento jurídico atuando como empreendedor artístico, viabilizando e financiando projetos culturais. Quando sobra um tempinho para relaxar, ele volta para suas origens e mergulha na música, que sempre que pode, faz questão de implementar junto à sua profissão de ator.

“Sou um ator que canta e toca. Um exemplo interessante foi que eu aprendi a tocar sanfona para apresentar uma peça ao Papa Francisco na Jornada Mundial da Juventude em 2013”, relembra.

Saiba mais sobre Gustavo Bechara através do Instagram: Instagram.com/gubechara