A Justiça Federal do Distrito Federal liberou uma liminar na última sexta-feira (15) que permite que psicólogos tratem a homossexualidade como doença, permitindo fazer terapias de “reversão sexual” sem que sofram censura ou sanções do CFP (Conselho Federal de Psicologia).

A decisão causou revolta nas redes sociais e gerou uma onda de manifestos, inclusive por parte de famosos, que publicaram fotos, vídeos com mensagens de repúdio à decisão e apoio à comunidade LGBT:

https://www.instagram.com/p/BZNL3k_HyIC/?taken-by=brunogagliasso

https://www.instagram.com/p/BZM8GkHFhco/?taken-by=anitta

https://www.instagram.com/p/BZNFy9jFP4S/?taken-by=pabllovittar

https://www.instagram.com/p/BZM4zDLhLUt/?taken-by=pretagil

https://www.instagram.com/p/BZNTqBMDWCD/?taken-by=taisdeverdade

Pais e mães. Nós não podemos permitir isso.

A post shared by Gretchenoficial (@mariagretchen) on

https://www.instagram.com/p/BZONSx7BiHy/?taken-by=lulusantosoficial

 

Fotos e vídeos: Reprodução/Instagram