Taís Araújo, Thiaguinho, Luciano Huck e outros famosos marcaram o Dia Nacional da Consciência Negra, hoje, com celebração, militância e protestos.

Tais Araújo publicou um vídeo com mulheres negras trocando flores umas com as outras e escreveu: “A gente acredita que afeto é força”.

A cantora Zezé Mota, por sua vez, exaltou Zumbi dos Palmares como “um herói que lutou pela liberdade e pela igualdade”. “Não dá para celebrar, é um momento de refletir: o que é ser negro no Brasil.

Não basta não ser racista, tem de ser antirracista”, disse em vídeo, o apresentador Luciano Huck, assim como a cantora Paula Lima e a atriz Fabiola Nascimento, chamou a atenção para a notícia de que um homem negro de 40 anos, João Alberto Silveira Freitas, foi morto na noite de ontem, em um mercado Carrefour em Porto Alegre, por um segurança da loja e um policial militar.

“No Dia da Consciência Negra mais um negro é espancado até a morte”, escreveu Huck ao compartilhar a notícia.