O FUTURO DO RÁDIO É AGORA

Estação I é um novo conceito de rádio, exclusivamente para web, multimídia por opção, nasce no próximo dia 14 de agosto

Tem novidade no mundo do Rádio, ou melhor, na Web. Está chegando a ESTAÇÃO I, a nova plataforma de conteúdo, para o público que ama Rádio, mas também para quem ama a internet e está acostumado a escolher o que quer ouvir, na hora que quiser e do jeito que quiser.

Na próxima segunda-feira, dia 14 de agosto, a Estação I entra no ar com um time encabeçado por Luciano Faccioli, Roxane Ré e Figueiredo Jr, provando que o mix que a internet pede também dá para fazer com o Rádio.

A cara de Rádio da Estação I fica por conta da programação transmitida via streaming de áudio aberto para todos, 24 horas por dia no ar. A grande parte da programação  em sua maior parte ao vivo, com programas que mesclam credibilidade em nomes da comunicação brasileira, com especialistas falando direto para o público a ex-CBN e Estadão, Roxane Ré para uma empreitada fora do Rádio. “É a primeira vez que saio do formato tradicional do rádio. Já queria há algum tempo acompanhar essa mudança na web, mas estava esperando o projeto certo, em que acredito e compartilha a minha visão de fazer conteúdo informativo e estruturado para a web.”

No site, principal forma de acesso, o internauta encontrará uma plataforma multimídia: lives nas redes sociais, interação por whatsapp, reportagens em vídeo, complementares ao streaming de áudio e, claro, podcasts. “Ouvi muita gente dizer que o Rádio está acabando ou vai acabar. O que ninguém pensou é que o imediatismo da informação, que antes só o Rádio permitia, nunca esteve tão em alta como agora. É como dizemos em todas reuniões da Estação I: o futuro do rádio é agora.”, diz Figueiredo Junior, idealizador e diretor da Estação I e que também leva seu programa “Show do Figueiredo” para a web.

Outro grande comunicador que integra o time é Luciano Faccioli que apresentará diariamente das 9h às 11h um programa que é pautado por sua irreverência. Ele é um dos responsáveis por desenhar a nova programação da Estação I, que nasceu como resultado da Rádio FJR, que iniciou a transmissão em 2016 e dá lugar a nova Estação I, que absorverá os programas da FJR, mas todos com um novo formato.

“Como não se render a internet? Ela é o misto dos meios que antes não podiam se conversar e eram pensados para diferentes públicos e que obrigatoriamente também tinham discursos diferentes. Formamos um time de jornalistas, comunicadores e especialistas com vontade de levar para o mundo o melhor do que a Tv, o Rádio e o Jornal nos ensinaram. Desenhamos um projeto diferente de tudo que o público já viu.”, afirma Faccioli.

Estação I – Sua nova parada na internet.

O mundo vem mudando de forma extremamente rápida e as tecnologias já não as mesmas de 5 anos atrás. Se antes um telegrama ou telefonema era sinônimo de velocidade de informação,hoje são mais de 168 milhões de smartphones só no Brasil, apitando todos os segundos com alguma novidade. E até 2018, já serão 236 milhões.

Adaptar os meios de comunicação foi o caminho natural e irreversível para acompanhar, e claro, adaptar a forma de fazer conteúdo também foi necessário. Com mais informação, mais meios de acessá-la e consumi-la, tornar-se multi foi quase que obrigatório para jornais, televisões e rádios e para os profissionais da área.

Para que somente nos adaptar, se podíamos criar do zero uma rádio totalmente digital, online, com alta qualidade de transmissão para o mundo todo, contando com os melhores comunicadores do país e ainda ser multimídia como primeira opção e não adaptação?

Foi assim que nasceu a Rádio FJR em 2016, sonho do comunicador Figueiredo Junior e a primeira rádio web com grandes comunicadores do Brasil e que nessa segunda passa a ser Estação I, uma plataforma de conteúdo multimídia.

Sucesso garantido

Os números provenientes da Rádio FJR apontam para uma aceitação do publico: mais de 4 milhões de internautas já viram o conteúdo e as ações da Rádio FJR no facebook; mais de meio milhão de interações e cliques em nosso site. Até dezembro de 2016, eram 140 mil. Em seis meses houve um crescimento de 315%, 150% a mais de ouvintes visitaram nosso site. Mais de 70 mil interações por meio de posts e vídeo, entre comentários, compartilhamentos e likes. Até abril de 2017 eram 35 mil. Em dois meses crescemos mais de 100%.