A massoterapeuta Suane Fonseca explica como a técnica pode trazer benefícios essenciais para a sua saúde.

Praticamente em toda a nossa vida, fomos instruídos a cuidar bem de nossos pés. Afinal, eles são a nossa sustentação principal do corpo. Não é apenas eu eufemismo que a saúde dos pés precisa ser levada a sério, pois é um local com pontos de energia do corpo inteiro; Mas onde a reflexologia entra? O método é um sistema terapêutico de estimulação dos pontos do pé (e entornos), para equilibrar a energia do corpo e evitar o surgimento de doenças e problemas de saúde. Essa técnica tem como princípio de que todos os órgãos, sistemas, músculos e glândulas têm seus “terminais” no pé. Não há pesquisas científicas que comprovem a eficácia da técnica no tratamento de doenças, mas os relatos dos pacientes batem de frente com todas as especulações de que o tratamento é ineficaz. De dores na vesícula até enxaquecas, a reflexologia foi o alívio de muitas pessoas.

“Esta técnica proporciona bem estar e relaxamento.” Comenta a massoterapeuta especializada em Tok Sen, Suane Fonseca.

A profissional explica que o motivo da técnica ser tão boa para o paciente, é a estimulação de liberação das toxinas do organismo, sendo utilizada para prevenir e tratar doenças,

“Pessoas que sofrem com a insônia, o estresse, com problemas de circulação sanguínea, problemas hormonais, problemas respiratórios como asma e sinusite, labirintite, hipertensão… a lista é bastante extensa. Com um bom trabalho no ponto certo, podemos colher resultados expressivamente impressionantes.”

Com as terapias alternativas ganhando cada vez mais batalhas contra os medicamentos tradicionais, a reflexologia pode ser um próximo passo na caminhada da sua saúde.

“É um conjunto de vários fatores. Comer bem, praticar exercícios e reflexologia … como se fosse uma pequena rotina. A técnica vai tirar a sua dor ou o seu incômodo, mas para uma saúde a longo prazo, depende inteiramente do paciente.” – Finaliza.