A atriz Deborah Secco doou uma casa a uma família que vive em estado de pobreza extrema, no sertão da Bahia.

A global foi motivada pelo projeto “Retratos de Esperança”, idealizado pelo fotógrafo Bismark Araújo, e alimentado por ONG’s, como a Fraternidade Sem Fronteiras, fundada e presidiada por outro global, o ator Wagner Moura.

Além de doar a casa, Deborah Secco se solidarizou com o ritmo do projeto, e quer emprestar sua imagem para atrair fundos ao povo sertanejo.

Em 2018, o G1 mostrou que a Bahia foi o segundo estado brasileiro em que a pobreza mais cresceu, ficando somente atrás do Acre.

“Eu sempre fui aquela pessoa que faz as coisas e não fala. Hoje estou aprendendo que a nossa voz divulgando os projetos é tão importante quanto nossas ações pessoais. Estou muito feliz por poder participar de tudo isso. É realmente emocionante”, disse a atriz ao Blog do Leo Dias, da UOL.

Crédito das fotos: Bismark e divulgação