Conheça a história de sucesso do empresário Maicon Rocha de Avila, 34 anos, casado, pai de dois filhos, formado em administração de empresas, e nascido na cidade de Santa Vitória do Palmar, situada no Rio Grande do Sul, localizado no extremo sul do Brasil, na fronteira com Uruguai.

Carinhosamente é conhecido como Kako, apelido que ganhou de sua mãe, ainda quando criança, por adorar assistir o desenho ‘Os Muppets’ e pelo fato de gostar das brincadeiras de ser o sapo (risos).

Aos 17 anos, assim que acabou o colegial, mudou de cidade, para poder ingressar na faculdade, pois sempre gostou de montar e desmontar objetos, e no pensamento a ideia de que poderia ser um técnico de alguma coisa. Pois bem, não foi o que acabou acontecendo, e acabou se mudando juntamente com a namorada e a família dela, para a cidade mais próxima à 240 km.

Por lá, teve a oportunidade de ter o seu primeiro emprego, juntamente com o irmão de sua namorada, onde ele tinha uma escola de informática. E como em todo início, por ser uma cidade grande com mais de 500 mil habitantes, bem diferente de sua cidade de origem, onde só tinha 35 mil habitantes, iniciou como entregador de panfletos na rua e mesmo possuindo muita vergonha, trabalhava durante todo o dia de segunda à sexta e estudava a noite, onde realizava a Faculdade de Administração de Empresas, onde seu maior pensamento era poder se formar e ter a sua própria empresa.

A vergonha de realizar entrega dos panfletos era tão grande, que muitas vezes se escondia a tarde toda e ficava chorando, pensando muitas vezes em desistir. Mas além de sua família através de ligações sempre insistir para não desistir, algo maior fazia com que ele desse seqüência nas entregas e após alguns meses, apareceu uma oportunidade com a esposa deste irmão de sua namorada, para trabalhar em uma gráfica.

Maicon Rocha de Avila
Maicon Rocha de Avila

Seria a sua segunda oportunidade, um segundo emprego e aceitou de imediato, afinal nunca gostou de realizar entrega de panfletos na rua.

Sem nenhuma experiência, iniciou na gráfica realizando impressões, entregas, montagem de livros, apostilas, parte de corte, separação de materiais, entre outras atividades e foi aos poucos se aperfeiçoando e pegando as rotinas do computador, que pra ele até então naquela época era apenas pra sentar e jogar paciência.

Com a ajuda dos colegas que já trabalhavam na gráfica, e mais uma vez com fé e muita força de vontade, aprendi rápido e dentro de alguns meses já estava me tornando o gerente da gráfica.

As responsabilidades foram aumentando e com o passar do tempo, se tornou uma pessoa mega experiente e com total confiança adquirida pelos proprietários, onde cresceram a cada vez mais, até que após uns três anos, parou para pensar e viu que merecia mais por tudo aquilo que havia de doado para a empresa, porém, não tinha como crescer internamente, pois era dito que precisa ter a formação concluída, o que ainda não tinha.

E logo surgiu uma nova oportunidade da noite pro dia, de comprar uma escola de informática na cidade de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, e mais uma vez não pensou duas vezes em poder se tornar dono de seu próprio negócio.

Com o aval da esposa, compraram a escola mudaram de cidade mais uma vez, onde passaram mais 4 anos, depois devido aos grandes números de assaltos que tinha na região, resolveram mudar mais uma vez de cidade e entraram no ramo de vender roupas, o que não lhe agradou pelo fracasso de vendas e retornaram para a cidade natal.

Voltou a ser funcionário em uma empresa de transportes e um belo dia teve a idéia de fazer um jornal de classificados, com distribuição gratuita para a cidade, onde quem pagava os anúncios eram as próprias empresas que desejavam expor seus trabalhos, e assim começaram com três mil exemplares por mês e a partir desses classificados, foi dando um norte em suas direções, com os pedidos dos patrocinadores, que solicitaram cartão de visita, adesivos, panfletos, etc.

Como Maicon já tinha a noção de gráfica e sua esposa que era formada com Pós em Marketing, sempre gostou de desenhar, a dupla que possuía um simples computador e uma impressora das simples, começaram realizando os desenhos e terceirizam o trabalho de impressão, e mesmo assim a cada dia estava aumentando a demanda dos serviços, optou em deixar a empresa de transportes e focaram apenas nos pedidos de gráfica.

Compraram uma primeira máquina de recorte e aos poucos devido a demanda, tiveram que deixarem o jornal, para se dedicarem exclusivamente aos pedidos da gráfica, que foi aumentando o espaço, crescendo, aumentando os equipamentos, até adquirirem um equipamento que era o único a realizar aqueles trabalhos na cidade no tamanho de 140cm de impressão, e focaram em impressões de adesivos, lonas para fachadas e banners, perfurados para carros, entre outras coisas emitidas por uma gráfica.

Atualmente temos 2 plataformas de vendas online, e em meados de 2014 fizemos uma parceria com uma loja online dentro do elo7 e criei a minha empresa com o nome de KakoDesign, e passei a ser a referência na cidade, onde nossa loja no elo7 possui mais de 8.800 avaliações, com o mercado online muito forte, vendendo para todo o Brasil.

Saiba mais a respeito dos trabalhos realizados por Maicon Rocha de Avila, através do Instagram @kakodesignoficial

Crédito das Fotos: Acervo Pessoal / Divulgação